Daily Archives: junho 6, 2017

demanda

A imagem de agora a pouco, é da fila da vacina contra a gripe, na Secretaria de Saúde de Maringá. Como se diz popularmente, é gente saindo pelo ladrão.

flagrante

Quem passava hoje, no começo da tarde, pela rodovia Sarandi-Marialva, levava um baita susto, ao se deparar com essa imagem pouco comum. Um caminhão transportando um carro de guerra.

cadê os deputados?

Nem parece que Maringá tem deputado estadual com o sufoco que passa a UEM por conta do bloqueio monetário efetuado pelo Governo do Estado. Ainda bem que a eleição está próxima. É no próximo ano… hora do troco.

Escola recebe livro sobre história da igreja católica em Maringá

Quando se trata do Supremo Criador, tudo é bem-vindo. Como fez o arcebispo metropolitano D. Anuar Battisti, que esteve na Escola Municipal D. Jaime Luiz Coelho, para fazer a entrega do livro ′A Igreja Católica em Maringá – A Igreja que Brotou da Mata′, escrito pelo padre Orivaldo Robles. O prefeito Ulisses Maia também compareceu e recebeu simbolicamente a obra e agradeceu o gesto, lembrando que o conteúdo do livro também é ilustrativo da história de Maringá.

Prefeitura retoma coleta de lixo a partir de 1º de agosto

Uma das qualidades que o maringaense destaca no prefeito Ulisses Maia, é o cumprimento da palavra, como no caso da promessa de retomada da coleta de lixo pelo município. E isso se dará a partir de 1º de agosto com o fim do contrato com a Constroeste. Tanto é, que o secretário de Serviços Públicos, Vagner Oliveira, está hoje em Orleans, Santa Catarina, recebendo 15 caminhões adquiridos pela prefeitura para o serviço.

saudação

Olá pessoal! Tudo bem?
Embora carrancudo, o dia está agradável em Maringá. Temperatura na casa dos 20 graus, mas não se animem. É por pouco tempo. Na sexta, despenca. Hoje é terça, 6 de junho, dia que pode ser histórico, já que será retomado em Brasília, o julgamento da ação que pede a cassação da chapa Dilma-Temer, acusada de abuso do poder político e econômico na disputa eleitoral. Se cassada, haverá eleição indireta para a Presidência da República. E sabe quem votaria? Nossos queridos e amados deputados federais e senadores, quase todos atolados até o pescoço em denúncias de corrupção. Mas haveria uma maneira de mudar isso: o povo maciçamente nas ruas pedindo Diretas Já. Um bom dia a todos!