Procon multa Sanepar por cobrança abusiva

A Sanepar precisa saber que ela não é a dona de Maringá. Precisa respeitar o consumidor. Prova disso é a multa que recebeu hoje do Procon de Maringá: R$ 2.363.633, 33. Motivo: Por negar-se a realizar o recálculo da conta de água dos consumidores que tiveram aumento do valor da fatura em razão de problemas técnicos na rede de distribuição. A reavaliação da fatura deve contemplar os últimos 12 meses e estabelecer um consumo médio.