direito de resposta

O deputado federal Ricardo Barros reafirma o que disse na TV:
Vai processar o promotor que ingressou com uma ação contra ele por suposta interferência em uma licitação para contratação de agência de publicidade pela prefeitura:
“Lamento que o Ministério Público não tenha a coragem de arquivar denúncias sem fundamento. Em oito anos não foi encontrada uma só prova de materialidade dos fatos. Não há um real sequer de prejuízo ao erário. É uma lástima que o Ministério Público reaja assim as críticas que eu faço aos seus privilégios como representante do povo. Provarei mais uma vez a minha honestidade e processarei o promotor por abuso de autoridade”.