pauta

Mário Hossokawa (na foto com a ex-prefeita de Mandaguari, Maria Inês Botelho), comanda nesta terça, a partir das 9h30, mais uma sessão ordinária na Câmara de Maringá.

A meu ver o projeto mais importante é do prefeito, que transforma imóveis espalhados pelo município em Zona Especial para Habitação de Interesse Social.

De um total de 17 imóveis, dois foram devolvidos à prefeitura, por conter diferenças nas informações entre o projeto e a Mensagem de Lei enviados à Câmara, seis estão ainda na Comissão de Constituição e Justiça e os nove restantes já foram analisados pela Comissão Especial de Estudos, composta pelo Flávio Mantovani, relator, Odair Fogueteiro, membro e pelo presidente, Sidnei Telles.

A Comissão visitou na última sexta-feira diversos terrenos. Foram verificadas as condições dos terrenos, a infra-estrutura e a vizinhança.

Participará da sessão o diretor do Procon, Geison Ferdinandi, que será sabatinado sobre os preços abusivos dos combustíveis e do gás de cozinha em Maringá, além de questionamentos sobre a lei que dá preferência a quem sofre com Transtorno do Espectro Autista (TEA), em filas de estabelecimentos comerciais da cidade.